2 cuidados que todo atleta deve ter

Muita gente não abre mão do seu jogo de futebol com os amigos ou daquele vôleizinho de praia no final de semana. Porém, apesar de serem atividades agradáveis e benéficas, os atletas casuais correm muito mais riscos de sofrerem lesões, seja você um atleta profissional ou não.

Geralmente, os corpos não estão adaptados para aquele tipo de esforço e, muitas vezes, um giro mais forte ou um pulo mal dado viram lesões musculares, ligamentares e até fraturas.

Mas existem maneiras de reduzir esses riscos e de conseguir se divertir com segurança. Tomando os cuidados certos até os atletas de fim de semana poderão fazer os seus pontos e os seus gols sem medo.

Marque uma consulta com seu médico

Primeiro e mais importante de tudo, especialmente se você é um atleta de final de semana, faça um check-up! Isso é essencial. O ideal é buscar por um cardiologista e por um ortopedista para fazer uma avaliação dos seus sistemas cardiorrespiratório e ortopédico.

Dessa forma, você poderá praticar os seus exercícios com maior segurança e evitar lesões que podem ser limitantes, dolorosas, permanentes ou irreversíveis! É melhor prevenir.

Pratique alongamentos

Muita gente contesta a importância do alongamento antes da atividade física, mas fato é que ser flexível previne diversos tipos de dores e de lesões. Uma boa elasticidade faz com que os seus tendões, os seus músculos e os seus ligamentos tenham chances menores de lesão, além de permitir que você execute movimentos mais amplos sem tantos problemas!

Mas, para isso, é preciso ter prática diária. Portanto, inicie de forma gradual e vá aumentando o alongamento, sem forçar o seu limiar de dor. Foque em posterior de coxa, lombar, membros superiores e pescoço. Se você puder entrar em uma aula de pilates ou de yoga, os ganhos serão ainda maiores. No final das contas, você vai perceber que até atletas profissionais fazem isso, então não marque bobeira.

Deixe um comentário