Câncer de mama: boa alimentação ajuda a prevenir

Outubro é o mês de lembrar às mulheres a importância da prevenção do câncer de mama, que, segundo o Instituto Nacional do Câncer é a doença maligna mais comum entre elas, com 56 mil novos casos no Brasil a cada ano. Apesar de existirem fatores de risco, como genética, histórico familiar, menstruação precoce, menopausa tardia e idade, a relação entre hábitos prejudiciais à saúde e o desenvolvimento da doença é comprovada. Conforme dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), até 80% dos casos de câncer estão relacionados ao estilo de vida das mulheres.

Para não integrar tal estatística, a prática de atividade física e uma boa alimentação podem te ajudar a prevenir o câncer de mama. Neste mês de outubro, dedicado às ações de prevenção e diagnóstico precoce da doença, trazemos até você esse toque de cuidado. Confira a baixo algumas dicas de hábitos ideais para uma rotina saudável:

  • Alimente-se bem e não fique muito tempo sem comer, ou seja, prefira comer de três em três horas, em pequenas quantidades, sempre priorizando os alimentos naturais e evitando os industrializados.
  • Evite o excesso de gorduras e carboidratos simples, como açúcar adicionado aos alimentos, doces, sucos de caixinha ou em saquinho, refrigerantes, pão branco e macarrão, sempre preferindo as opções integrais.
  • Procure ingerir proteínas de boa qualidade, principalmente frutas, legumes e verduras, por serem fontes de vitaminas e minerais essenciais e ricas em fibras que ajudam na saciedade e no funcionamento adequado do intestino.
  • Pratique exercícios físicos durante a semana. O ideal são 150 minutos de atividades físicas moderadas  ou 75 minutos de atividades vigorosas divididas pelos dias da semana.

Deixe um comentário