8 dicas para acertar o relógio biológico

Confira 8 dicas de como evitar a insônia e manter seus horários sempre regulados com hábitos simples e saudáveis.

Alimente-se bem

Já abrimos o primeiro tópico com uma dica que pode ser aplicada em seu dia a dia. Alimentos, como nozes, abacate, leite, banana, ovo e queijo são ricos em consumindo triptofano, um componente essencial para o sono.

O triptofano é um aminoácido essencial que não é produzido pelo corpo. Ele age em conjunto à vitamina B3, de modo a estimular a produção de serotonina e melatonina.

A serotonina age como um relaxante no corpo, estimulando uma sensação de bem- estar. A melatonina está totalmente relacionada à manutenção do ciclo circadiano e do sono.

Pratique exercícios

Os exercícios não só induzem o sono, como também são benéficos para o corpo todo. A prática de qualquer atividade física estimula a produção de adrenalina, substância que nos ajuda a manter a concentração durante o dia.

Com o corpo cansado, fica mais fácil chegar ao sono. O ideal é que as atividades sejam realizadas até as 19h para evitar que a adrenalina nos mantenha em estado de alerta no horário em que é preciso relaxar.

Não se engane achando que exercícios só podem ser feitos em uma academia. Faça caminhadas, aulas de danças online, yoga, pule corda… Movimentar-se é uma das melhores maneiras de como regular o sono.

Evite fazer atividades do dia a dia no quarto

A utilização do quarto para outras atividades do cotidiano, como trabalhar, ver televisão e fazer as refeições, por exemplo, pode desregular seu relógio biológico. Isso porque o corpo para de associar a cama como um lugar para dormir.

Sem essa associação, na hora de se deitar, o metabolismo continua funcionando do mesmo jeito. Eduque seu corpo a estar deitado na hora de dormir. Evite trabalhar na cama, isso pode despertar um sentimento de tensão e ansiedade.

Evite dormir durante o dia

Se você não consegue dormir à noite, porém de dia parece um horário propício para isso, pode ser que já esteja sofrendo com o relógio biológico desajustado. Lute contra a sonolência e tente encaixá-la no período da noite.

Dormir de dia pode atrapalhar a produtividade. O repouso diurno pode ocasionar diversas doenças como: distúrbios hormonais, neuropsicológicos, fadiga crônica, alteração no comportamento e muito mais.

A luz do sol também pode tornar o sono mais difícil. Portanto, se você tem a opção de dormir à noite, insista nela o máximo possível para praticar um hábito mais saudável.

Evite dormir com o estômago muito cheio

Todos sabemos que depois de um bom prato de comida bate aquele soninho, porém, evite ao máximo dormir de barriga cheia. O ideal é se deitar em torno de 2 a 3 horas depois do jantar.

Dormir de barriga cheia pode ser o causador de problemas como refluxos, azias, desconforto gástrico, entre outros. Estes fatores acabam nos despertando durante a noite e, portanto, reduzem a qualidade do sono.

Um bom chá pode ajudar

Certos tipos de chás são uma ótima opção para quem quer diminuir o estresse, ansiedade e a insônia. Camomila, maracujá, mulungu, anis estrelado, entre outros, são fortes aliados na hora de dormir.

Tomar a bebida quente também ajuda a manter o corpo em uma temperatura agradável. O chá é um aliado saudável do sono, além de trazer outros benefícios ao organismo.

Evite eletrônicos durante a noite

Reserve um tempo para si mesmo longe de qualquer aparelho eletrônico que reflita luz no seu rosto. Com a diminuição da luz, o cérebro entende que é hora de dormir e começa a relaxar. Essa é uma das melhores maneiras de melhorar o sono.

O ideal é que as pessoas parem de usar o celular, computador e televisões pelo menos 1 hora antes de deitar-se. Pois, leva um tempo para o cérebro processar o motivo da luz ter sido diminuída e começar a relaxar.

Enquanto você estiver refletindo luz no seu rosto, seu corpo entenderá que se trata da luz solar e fará de tudo para manter-se estimulado. Uma boa prática é ler um livro antes de dormir somente com a iluminação do quarto.

Comece a meditar

A meditação faz com que a pessoa relaxe o corpo e a mente. Uma das maiores vantagens desse exercício antes de dormir é a diminuição da frequência respiratória, de modo a estimular o sono.

Você pode praticar de 5 a 10 minutos de meditação antes de dormir para focar seus pensamentos em coisas boas e relaxar seus membros. Para o seu corpo receber um estímulo a mais, é possível fazer o exercício de luzes apagadas.

Deixe um comentário